O que posso fazer?


Existem várias formas de melhorar o ar e a luz natural em sua casa. Algumas são rápidas e fáceis, enquanto que outras podem ser mais demoradas mas, em contrapartida, proporcionam melhorias sólidas a longo prazo.


1.


Abra mais de uma janela para arejar

O ar interior contém gases, partículas, resíduos biológicos e vapor de água, que constituem potenciais perigos para a saúde. Recomendamos que areje a casa três a quatro vezes por dia durante um mínimo de 10 minutos de cada vez, com mais de uma janela aberta. Deve igualmente arejar o quarto antes de se ir deitar e quando se levantar de manhã.

2.


Siga a luz (natural)

Aproxime a mesa de jantar ou a secretária da janela. A luz artificial não consegue replicar as qualidades da luz solar, que é um antidepressivo natural. A sua casa e o seu local de trabalho devem ter tanta luz natural quanto possível. Existem várias provas científicas que associam a luz natural à melhoria da saúde e da qualidade de vida, como a melhoria do estado de espírito e a redução do cansaço e da fadiga ocular.

3.


Entre no ritmo

Os nossos organismos só conseguem sincronizar-se com o ritmo de 24 horas chamado "dormir, trabalhar, viver" através da exposição adequada à luz e à escuridão. Se for possível, oriente os quartos para leste, na direção do nascer do sol. Isto é especialmente benéfico para adolescentes e jovens adultos, que têm um relógio biológico atrasado e têm ​frequentemente dificuldade em acordar de manhã. Certifique-se também de que as cortinas e persianas impedem a entrada do máximo possível de luz durante a noite.

4.


Caminhe

A maior parte dos cientistas concordam que duas horas de exposição diária à luz natural estimulam o nosso bem-estar mental. Saia de casa quando puder e tente esticar as pernas regularmente.

5.


Limpe e areje os tapetes

… ou, ainda melhor, deite-os fora. Tapetes grossos e algumas peças de mobiliário, como sofás antigos, são um verdadeiro Eldorado para ácaros e bactérias.

6.


Limite a humidade

65% de todos os europeus secam roupa dentro de casa pelo menos uma vez por semana, o que emite humidade e pode levar à criação de bolor; por este motivo, deverá secar a roupa noutro lugar, se for possível. Se não for possível secar a roupa no exterior, tente abrir uma janela perto do local onde tem a roupa a secar, para remover alguma da humidade em excesso. Pelos menos motivos, certifique-se de que a sua casa de banho possui uma ventilação adequada. As atividades de uma família de quatro pessoas adicionam normalmente 10 litros de água ao ar interior – diariamente!

7.


Deixe de fumar e ponha as velas de parte

O tabaco e as velas são particularmente nocivos para a climatização interior. Por exemplo, na Dinamarca, 76% das partículas nocivas existentes no interior da habitação provêm dos próprios residentes.

8.


Desligue os eletrodomésticos

Os equipamentos elétricos, como os televisores e os discos rígidos dos computadores, emitem substâncias químicas que contribuem para piorar a climatização interior.

9.


Evite os produtos químicos

A maior parte dos produtos de limpeza possuem substâncias químicas potencialmente nocivas. Sempre que possível, utilize panos de microfibra e materiais naturais, como vinagre branco e sabão. Pode encontrar na Internet vários conselhos úteis para manter a sua casa limpa e livre de substâncias químicas.

10.


O plástico nem sempre é fantástico

Quando aquecidos, os plásticos podem emitir gases nocivos. Se tiver filhos, certifique-se de que os brinquedos de plástico não estão expostos à luz solar direta. Se tiver piso aquecido, não deve deixar objetos de plástico no chão. De acordo com as diretivas da UE, deverá remover todos os brinquedos de plástico fabricados antes de 2007, porque foi provado que contêm substâncias químicas banidas. Se for possível, deverá encorajar os seus filhos a brincarem numa divisão que não seja o quarto. Isto ajudará a reduzir a quantidade de poluentes potencialmente nocivos no ar.

PANORAMA COMPLETO

Além de mudarmos as nossas rotinas diárias, é importante que aproveitemos todas as oportunidades para fazermos alterações fundamentais na climatização interior das nossas casas. Passamos 90% do nosso tempo dentro de portas e 2/3 desse tempo é passado em nossa casa. Por este motivo, esse é o sítio ideal para começarmos a melhorar a nossa qualidade de vida.

 

MELHORE O ESPAÇO ONDE VIVE

Pense na forma como pode "levar o exterior para dentro". Visto que a maior parte de nós vive em ambientes urbanos, até certo ponto privámo-nos do contacto com a natureza. Até mesmo uma medida simples, como adicionar algumas plantas em vaso (conhecidas por purificar o ar) pode melhorar o seu ambiente interior. Pense também como poderá melhorar a vista para o exterior, através da utilização inteligente de portas e janelas.

DESENVOLVA O SEU ESPAÇO DE FORMA ADEQUADA

Adicionar alguns metros quadrados à sua casa é uma forma excelente de aumentar a sua qualidade de vida. Considere renovar ou expandir o sótão e priorize soluções que fomentem a entrada de ar fresco e luz natural.

MUDAR DE CASA

Se procura uma casa nova, tenha em mente que as propriedades mais antigas podem ter problemas que afetarão a climatização interior. Por exemplo, certifique-se de que verifica se todas as janelas podem ser totalmente abertas e estão funcionais, especialmente na cozinha e na casa de banho. Quanto chegar à fase da redecoração, escolha uma tinta mais clara. Isto irá criar superfícies refletoras, que promovem a propagação da luz na sua casa.


FACTOS PERTURBADORES SOBRE A GERAÇÃO DA ESTUFA

Passamos 90% do tempo dentro de portas, sem uma quantidade suficiente de luz natural ou ar fresco. Já nem sequer pensamos muito no assunto – mas a ciência demonstra que este comportamento pode ser prejudicial para a nossa saúde e bem-estar.

A FALTA DE LUZ NATURAL PROVOCA INFELICIDADE EM 15% DOS SERES HUMANOS

O poder da luz natural não pode ser reproduzido artificialmente. Precisamos da luz do sol para nos sentirmos saudáveis e cheios de energia.